Campeonato Nacional de Montanha Valvoline a caminho da Falperra

A mais mediática de todas as rampas que fazem parte do Campeonato Nacional de Montanha Valvoline 2017, a Rampa Internacional da Falperra, disputa-se no próximo fim-de-semana de 6 e 7 de Maio, no privilegiado palco da subida à Nossa Senhora do Sameiro.

Segunda jornada desta competição na corrente época, a prova organizada pelo Clube Automóvel do Minho com o apoio da edilidade local, reúne à partida todos os principais candidatos aos títulos em disputa, que fazem parte de uma invejável lista de inscritos. Também em pista, vão estar os Campeonatos Europeu e de Espanha da especialidade, num fim-de-semana de grande intensidade para os amantes da modalidade.

Depois do triunfo na prova inaugural, Pedro Salvador e o pequeno Silver Car EF10 vão ter nova prova de fogo à juventude deste projecto, sendo esta uma rampa que não favorece o protótipo espanhol face às elevadas médias praticadas na Falperra, no que diz respeito às velocidades atingidas. Por seu turno, Rui Ramalho e o seu Osella PA2000 Evo 2 vão ter na rampa bracarense um terreno à exacta medida deste conjunto, depois da estreita e sinuosa Rampa da Penha.

Ainda na Categoria 1, Paulo Ramalho (Osella PA21s Evo) e Hélder Silva (Juno CN09), vão lutar pelo derradeiro lugar do pódio, com João Fonseca em BRC CM05 Evo, a ser o favorito na categoria CM.

Na Categoria 2 a luta pelo triunfo vai voltar a estar ao rubro, com qualquer um dos quatro pilotos inscritos a ter condições de chegar à vitória. Gonçalo Manahu em Porsche 997 GT3 Cup foi o primeiro vencedor do ano, mas a oposição aperta, e o imponente Nissan GT-R GT3 de José Correia pode assumir na Falperra algum favoritismo. Edgar Reis e Pedro Marreiros, ambos em Porsche 997 GT3 Cup estarão também na luta. 

Depois da vitória conseguida na Penha, João Guimarães e o Peugeot 206 RC não vão ter vida fácil para bisar na Categoria 3, face à chegada de Pedro Saraiva com um Mitsubishi Lancer Evo. IX e ao forte andamento dos SEAT Leon de Carlos Luis e Pedro Saraiva. Na luta por um lugar no pódio há que contar ainda com a “armada” Citroen Saxo, encabeçada por Sérgio Nogueira, e que inclui ainda, Paulo Nogueira e Armando Freitas.

Na prova de abertura da época, assistiu-se ao domínio do espectacular Ford Fiesta R5+ de Manuel Correia na Categoria 4, primazia que este binómio deverá continuar a ter na Falperra, isto apesar da chegada do potente Mitsubishi Lancer Evo VI de Manuel Pereira e do competitivo Silvino Pires com um Ford Escort WRC.

Na Categoria 5, Luis Nunes em SEAT Leon Cup Racer e Joaquim Teixeira em Renault Megane Trophy V6 vão voltar a lutar pelo triunfo, adivinhando-se mais uma emocionante disputa entre estes dois pilotos. Francisco Marrão estará atento e aproveitará qualquer deslize para melhorar o resultado conseguido na Penha, o mesmo se poderá dizer de Alex Pereira e o seu VW Golf GTi. De saudar a presença de Jorge Meira (Citroen Saxo) e Roberto Meira (Renault Clio RS), depois de terem estado ausentes na primeira jornada do ano.

Na Taça Nacional TCR/TCS, Miguel Lobo, que conseguiu em Guimarães uma vitória solitária, vai ceder o seu Audi RS3 TCR a Patrick Cunha, alinhando com um SEAT Leon TCR, numa competição que recebe mais um piloto, com a chegada de Paulo Silva também com um SEAT Leon TCR.

Na Taça Nacional de Montanha 1300, os Toyota Starlet de Armando Freitas e José Magalhães vão lutar pelo triunfo, com Francisco Leite e Ricardo Sousa, ambos em Fiat Punto, numa categoria que se adivinha animada.

Dominador na Penha, José Pedro Gomes e o seu bem preparado Ford Escort MKI são os principais favoritos ao triunfo no Campeonato Nacional de Clássicos, com Parcidio Summavielle em Datsun 260Z e Augusto Vasconcelos em Ford Escort MKI, à espreita de um qualquer deslize de Gomes. Destaque para a presença de Flávio Sainhas e de Cândido Monteiro, também eles em Ford Escort MKI.

No Troféu Nacional Clássicos de Montanha, a luta adivinha-se animada entre Fernando Salgueiro (Ford Escort MKII), Ricardo Loureiro também em Escort e Carlos Oliveira em BMW 323i.

No que diz respeito à Taça Nacional de Clássicos de Montanha 1300, João Peixoto pode estrear-se com uma vitória ao volante do seu Mini Cooper S, face à oposição de Domingos Fernandes em Autobianchi A112.

Programa/Horário - Campeonato Nacional de Montanha Valvoline:

Sábado – 06.05.2017

09H30 Treinos Oficiais 1

10H45 Treinos Oficiais 2

12H30 Treinos Oficiais 3

14H30 Subida Oficial 1

Domingo – 07.05.2017

09H00 Subida Oficial 2

11H00 Subida Oficial 3

15H00 Entrega de Prémios

PARCEIROS APILOTOS